Oscar Araripe
Início Algumas Exposições Coleções Posters O Pintor Artigos Minha Vida de Pintor A Fundação Links Arte para Salas de Aula Contato
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Pinturas Recentes
Flores Cubanas
Jarros de Flores
O Brasil Nunca Mais o Brasil
Tiradentes, o Animoso Alferes
Caraíva dos Reflexos
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Exposições
Currículo
Vida, Literatura e Afins
Literatura
O Pintor
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Pinturas Recentes
Flores Cubanas
Jarros de Flores
O Brasil Nunca Mais o Brasil
Tiradentes, o Animoso Alferes
Caraíva dos Reflexos
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Arte nas Escolas / Arte-educação é fundamental / Educa, ensina, sensibiliza e eleva os professores e os alunos.
Escola Caracol / Porto Alegre / RGS
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Pinturas Recentes
Flores Cubanas
Jarros de Flores
O Brasil Nunca Mais o Brasil
Tiradentes, o Animoso Alferes
Caraíva dos Reflexos
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Exposições
Currículo
Vida, Literatura e Afins
Literatura
O Pintor
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Pinturas Recentes
Flores Cubanas
Jarros de Flores
O Brasil Nunca Mais o Brasil
Tiradentes, o Animoso Alferes
Caraíva dos Reflexos
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas

Oscar Araripe / Da Arte de Saltar / Jornal Miró em Darwin


Título
Da arte de saltar por Oscar Araripe, pintor. / Blog de Miró em Darwin – Número 2 - Maio 2013
Texto
  Número 02 | Maio 2013 | Viçosa-MG | Distribuição GRATUITA   

                                                                                                                                                                                                                                      
MIRÓ EM DARWIN

  Miró em Darwin – Número 2 - 2013| 2
 
 
 

 Oscar Araripe                                                                                                                                                                                                      
 Parte desse texto foi publicado na versão impressa do Miró em Darwin,                                                                                                                                                                                        Colunista da edição 2.
 
 
 
    Mais marxólogo que marxista, sempre me irritei com a premissa, talvez hegeliana, de que na História não ocorre “saltos”. Tal premissa, estendida à Natureza, me parece ainda mais absurda. Marx e Darwin falavam em pequenas mudanças na História e na Evolução, respectivamente,  o que implica, também e portanto, na possibilidade de grandes mudanças, ou saltos. 
 
   Ora, inexiste História e Natureza sem vida. Arte, então, nem se fala. Sem vida, História, Natureza e Arte seriam um absurdo. Vida sem salto é como arte sem vida, história sem gente ou natureza sem evolução. 
 
   Paradoxalmente, vários autores hegelianos, inclusive Marx, acreditam no “salto” das qualidades da matéria. Um exemplo clássico é da água, que após 100 graus vira vapor. Contudo, tal realidade encontra resistência ao ser estendida a outras áreas, inclusive pelos evolucionistas e neo-evolucionistas. A Ciência parece temer o salto, pois este foge à razão. O que seria uma grande tolice. Falta arte na ciência, nesta ciência de pouca arte. Paradoxal, pois o que seria a “eureka” senão o salto, o momento criativo da Ciência?
 
   Como artista, da pintura, hodiernamente, vivo e realizo o salto. Sem salto a arte seria uma repetição enfadonha. É claro que existe uma relação de criação entre os artistas e as obras, de todas as épocas. Mas isso não quer dizer que uma arte depende da outra, ou que um artista cria a partir de outro. Na verdade, na Arte, não existe progresso, e isso é um axioma fundamental no entendimento da arte. Seria um absurdo dizer-se que à arte das cavernas, por exemplo, é inferior a arte moderna. A Arte atinge um clímax e pronto, tudo começa de novo por um novo artista. Esta é a realidade.
 
   Tudo que serve para a Arte serve para a Vida, e vice-versa. Creio que se prestarmos mais atenção, veremos que tudo que é vivo salta, seja na História, na Natureza ou na Arte. E é bom que assim seja. Muito bom. Sem salto, estaríamos condenados a um sem fim repetitivo e nauseante. Creio mesmo que a utilização política deste absurdo conceito, o da inexistência do salto, é um meme usado pelo conservadorismo mais oportunista e reacionário.
 
    Recentemente, no meu artbook, publicado pela Fundação que leva meu nome, tive oportunidade de expor algumas provocações sobre o tema do salto. Cito algumas, na esperança de que assim como pinto para que tudo vire pintura, o salto venha a se constituir numa das características fundamentais da vida.
 
                                                                                                              
                                                                                             Flores com Tiradentes V 110 X 120 cm Araripe                                                                                                             Flores 24 0.75 X 0.92m Araripe


Aqui, neste silêncio absoluto, nesta ação de puro salto, talvez do movimento para o estático (onde tudo está em repouso e pode ser visto), tenho que ter o quadro já pronto. Tudo o mais é surpresa, ritmo. Por exemplo: os fótons. Penso que os fótons são as flores da luz e, se assim é, como parece, nada nos resta senão a jardinagem e a poesia. Viva é a surpresa de uma flor.
 
Como a arte faz a vida? - eis a nossa questão. Mas, ao pintar um novo jarro de flor, tudo desaparece, pois a arte é anterior, e a um só tempo includente e excludente à própria vida. Revolução em Pintura é pintar um novo jarro de flores.
 
 Pinto e combato. O pincel, e mais que ele, as tintas recriadas em cores são armas poderosíssimas. As flores movem o mundo. Talvez, por incrível que pareça, o perfume tenha criado a arte, antes mesmo que a Arte tivesse criado a vida.



                                                                                                    
                                                                                                                                                                         Flores Teodora 0.40 X 0.60cm  - Acrílica sobre tela sintética 2012 - Araripe




Pudéssemos ter somente mãos abertas e olhos fechados e saltaríamos com o mundo. Mas a vida é atracada. Melhor é descansar os olhos, enquanto pinto, como se estivesse dormindo, sono fundo e reparador. Procuro repor tudo que o tempo me roubou. Sonho tudo também. Pintar, em muitos sentidos, é ter paciência. Não para acabar com o quadro, pois feliz o pintor que pinta rápido e sem errar, mas, para saltar com a vida. Ao fim, fico apenas com as mãos. E as mãos que me fazem carinhos.
 
      A pintura é a arte do salto, e a melhor hora para se pintar é entre o dia e a noite, quando se pode saltar. O dia começa com o Sol já pintado e a noite é um infinito fundo negro, onde todas as cores se encontram. Saltar, que um pintor não precisa de firmamento. Um dia, até os cegos vão poder ver um quadro, e um cientista pintar uma teoria. Enfim, status é ter e cuidar de um jardim. Quanto mais poesia, mais poder. Jardineiro sim, político não. Quanto mais belo o jardim, mais justo, verdadeiro e esperançoso. Tudo que vale para a pintura vale para a vida.


                                                                       
                                                                                                                               Salto - Foto: Google images.


     A Arte faz a arte, aos saltos, sem trancos nem barrancos, e deve alcançar a plenitude na tela. Assim como não há arte progredida, não há arte sem salto. Se a imperfeição me perturba a ponto de me desesperar, respiro fundo - pela boca, nariz, pulmão e olhos. Até passar, e as ideias chegarem. Enfim, o estilo começa na respiração, talvez, e esta está na origem da Arte, na inexistência de tudo, quando a Arte a tudo criou, fazendo de todas as coisas esta realidade nenhuma, talvez simplesmente alguma, e que se vê numa boa pintura ou num dia acordado de sol.
 
    Nada que não é artístico me pertence. A Arte, vejo-a no começo, durante e no fim dos tempos, quando somente ela nos poderá saltar. Nenhum artista é só artista. Há de ser filósofo, jardineiro, voluntário, filantropo e fundador. Há de ter ciência, intuição filosófica, sabedoria, a beleza na ponta dos dedos para fazer a vida mais agradável e feliz para todos. A arte há de ter a Arte, plasmada desde sempre, dentro e fora da vida.
 
                                                                                                                                                 Oscar Araripe: 

                              Recebi de Felipe Oliveira, editor de Miró em Darwin, esta bela e embasada explicação:
           

Para: Oscar Araripe
Assunto: Re: Darwin on my mind

 

Araripe,

o seu texto é fantástico.

E existe sim saltos em evolucão. O garnde medo dos evolucionistas neodarwinistas é que isso reduza o papel da selecão natural em moldar o mundo vido. Mas os estudos atuais de biologia do desenvolvimento tem mostrado por A + B que sim, existem saltos na morfologia dos seres vivos, e que para mudar de um estado morfológico para outros não é necessários inúmeras mudancas graduais na genética até atingir um nível novo de morfologia, muitas morfologias podem sim ser atingidas, e muitas de fato foram, por alguns pouco passos, algums vezes muita pouca mudanca genética gera grande consequencias no desenvolvimento embrionário, e esse, como um agente importantissimo na criacão das formas vivas, não possue espaco muito aberto e discutido dentro do Neodarwinismo. O neodarvinismo é incompleto, e muitos tem se atentato para isso, e o salto portanto, também é algo existente na evolucão. O meu orientador na Finlândia acaba de publicar um trabalho na respeitada Nature sobre em parte esse tema, como morfologia muda, e muitas formas são obtidas de maneira semelhantes mas também de maneira diferente do ponto de vista genético, e algumas vezes mudancas muito pequenas geram morfologias bastante complexas. Portanto, fique mais tranquilo, a evolucão está no caminho de ser menos conservadora. Você está certíssimo com o seu texto, salto é algo que rege muitas formas e mudancas também na evolucäo.

Leia sobre os Hox genes e Evo-devo, você vai se maravilhar.

Grande abraco
Filipe

                                                    
 
Artigos
 
Início Algumas Exposições Coleções Posters O Pintor Artigos Minha Vida de Pintor A Fundação Links Arte para Salas de Aula Contato
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Pinturas Recentes
Flores Cubanas
Jarros de Flores
O Brasil Nunca Mais o Brasil
Tiradentes, o Animoso Alferes
Caraíva dos Reflexos
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Exposições
Currículo
Vida, Literatura e Afins
Literatura
O Pintor
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Pinturas Recentes
Flores Cubanas
Jarros de Flores
O Brasil Nunca Mais o Brasil
Tiradentes, o Animoso Alferes
Caraíva dos Reflexos
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Arte nas Escolas / Arte-educação é fundamental / Educa, ensina, sensibiliza e eleva os professores e os alunos.
Escola Caracol / Porto Alegre / RGS
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Pinturas Recentes
Flores Cubanas
Jarros de Flores
O Brasil Nunca Mais o Brasil
Tiradentes, o Animoso Alferes
Caraíva dos Reflexos
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Exposições
Currículo
Vida, Literatura e Afins
Literatura
O Pintor
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Pinturas Recentes
Flores Cubanas
Jarros de Flores
O Brasil Nunca Mais o Brasil
Tiradentes, o Animoso Alferes
Caraíva dos Reflexos
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas