Oscar Araripe
Início Algumas Exposições Coleções Posters O Pintor Minha Vida de Pintor Artigos A Fundação Arte para Salas de Aula Links Contato
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Pinturas Recentes
Flores Cubanas
Jarros de Flores
O Brasil Nunca Mais o Brasil
Tiradentes, o Animoso Alferes
Caraíva dos Reflexos
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Exposições
Currículo
Vida, Literatura e Afins
Literatura
O Pintor
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Pinturas Recentes
Flores Cubanas
Jarros de Flores
O Brasil Nunca Mais o Brasil
Tiradentes, o Animoso Alferes
Caraíva dos Reflexos
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Arte nas Escolas / Arte-educação é fundamental / Educa, ensina, sensibiliza e eleva os professores e os alunos.
Escola Caracol / Porto Alegre / RGS
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Pinturas Recentes
Flores Cubanas
Jarros de Flores
O Brasil Nunca Mais o Brasil
Tiradentes, o Animoso Alferes
Caraíva dos Reflexos
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Exposições
Currículo
Vida, Literatura e Afins
Literatura
O Pintor
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Pinturas Recentes
Flores Cubanas
Jarros de Flores
O Brasil Nunca Mais o Brasil
Tiradentes, o Animoso Alferes
Caraíva dos Reflexos
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas

Oscar Araripe por Carlos Perktold

Flores /

de Oscar para Inimá

                                                     Carlos Perktold (*)               

É possível que o tema flores em pintura agrade o público universalmente por ser conteúdo de fácil observação, sobretudo para aqueles neófitos em arte. Por neófitos refiro-me àqueles espectadores que desconhecem as exigências de uma composição equilibrada, o número de ouro, ritmo e a mistura de cores. Além disso, elas agradam por que seus coloridos são um item decorativo em qualquer ambiente. Mas que o leitor não as imagine simples de serem harmonizadas de forma artística em óleo ou acrílica sobre tela ou no papel de uma aquarela. Elas requerem o mesmo cuidado de uma paisagem bem composta e dão o mesmo júbilo ao artista e ao espectador quando prontas. Para amadores e pintores de fim de semana, é o tema mais fácil de ser mal pintado. Para Oscar Araripe é o tema mais difícil de inovar em pintura, por ser, talvez, o mais pintado.

Em geral, os artistas pintam flores durante suas carreiras, mas acredite, alguns detestavam pintá-las. Pieter Mondrian (1872-1944) já executava sua colorida pintura de linhas e ângulos retos na Holanda quando, contrariado, recebia clientes interessados em pinturas de vasos de flores, nos quais também era brilhante. Ele queria ser admirado pelo seu abstracionismo geométrico, uma criação e novidade de difíceis percepções do grande público na época, mas atendia aos pedidos de sua insistente clientela porque precisava viver, ganhar a vida e ninguém no seu país comprava sua original pintura geométrica. Certo dia, meses antes de se mudar para Nova Iorque, declarou para um amigo “passo fome, mas flores não pinto mais”. Nova Iorque o consagrou e ao seu geometrismo. Araripe, por sua vez, em suas próprias palavras, diz pintar “flores que não são flores...”

Ao contrário de Mondrian, Inimá de Paula (1918-1999) levantava cedo com literal desejo de pintá-las. Este articulista conhece um belíssimo vaso de flores dele pertencente a uma pinacoteca mineira. A colecionadora relatou-me que se encontrou por acaso com o artista no Mercado Central. Inimá lhe contou ter acordado com vontade de pintar flores e estava ali para comprá-las e levá-las para o atelier. Ela não perdeu a oportunidade, ajudando-o a selecioná-las e o acompanhou até sua casa, observou-o a preparar o arranjo no jarro, a tela no cavalete e o artista a marcar a composição com o habitual fusain, e ficou extasiada vendo o nascimento de uma obra prima, que hoje é parte da coleção da família. Nas mesmas circunstâncias, quem não faria o mesmo que ela fez? Já as “flores” do Oscar são absolutamente imaginárias...

Esta exposição de Oscar Araripe criada com afeto próprio de quem é humanista, homenageia o artista Inimá que merece uma floricultura do tamanho de seu talento. Ele nos deixou em 1999, pouco antes da virada do milênio quando completara 81 anos de vida e mais de 60 dedicados à pintura. Paisagens, retratos, abstratos, autorretratos, cidades mineiras e marinhas, you name it, ele estava lá marcando sua presença com suas deslumbrantes cores. Passados mais de 20 anos de seu desaparecimento, convidado a expor pelo Museu Inimá de Paula, Oscar Araripe tem a gentil ideia de reverenciar o universal mineiro que tanta saudade deixou.

E esta não é primeira homenagem em forma de flores do generoso pintor. Premiado com bolsas de estudo pela Universidade Harvard nos anos 1960, voltou, 50 anos depois, e lá expôs recentemente “Flores para Harvard”, uma homenagem àquela que lhe deu o oxigênio que precisava para sobreviver exilado nos anos de chumbo em país estrangeiro. Carioca, premiado várias vezes por diferentes instituições pela sua pintura, é cidadão honorário de Minas Gerais e de diversas cidades brasileiras.

Falar de Oscar é ressaltar a biografia de um ativista político cuja vida intelectual começa como estudante de Direito no Rio de Janeiro, passa por tradutor, escritor, jornalista, editorialista, crítico de teatro e chega a de artista consagrado em várias exposições no Brasil e no exterior. Atua em Tiradentes (MG) onde tem uma galeria pessoal em casa restaurada e fixada bem no centro histórico da cidade, casa com jardim, tão cheia de flores e cores quanto seus trabalhos. Araripe pertence à geração dos anos 1940, época de grandes tragédias pelo mundo, todas a causar angústia nas jovens mães de então, a ouvir e a ler as más notícias diárias de uma guerra sem fim. Talvez por isso a maioria dos nascituros dessa década é determinada no que faz, lida bem com a objetividade que a vida exige, valoriza as relações sociais e é humanista a toda prova.

É assim a biografia de Oscar Araripe. Se o leitor tiver a fortuna de conhecê-lo e ouvi-lo falar de suas aventuras, não compreende por que ele não escreveu sua autobiografia tão rica de eventos e até de solidão digna de um eremita que viveu por anos nas montanhas da Itatiaia mineira. Conheceu e conhece todos os intelectuais mineiros, cariocas e paulistas dos anos 1960, 1970 e 1980. Foi apresentado em exposições por Jacob Klintowitz, Sergio Rouanet, Ricardo Viveiros, Enock Sacramento e tantos outros, a demonstrar seu prestígio junto ao mundo intelectual do País.

O leitor que desconhece os trabalhos de Oscar não deve pensar que flores são o único tema de seus trabalhos. Oscar já morou em Ouro Preto e pintou a cidade com o mesmo amor de todos os pintores apaixonados por ela, e, sobretudo, pintou Tiradentes, onde mora há trinta anos. É autor de painel de doze metros quadrados sobre o herói Joaquim José da Silva Xavier, exposto de modo permanente no Tribunal de Justiça em Belo Horizonte. Nele, há um Tiradentes atemporal, marcado por um azul suave e digno do herói.

Suas flores são criadas sobre um suporte inusitado para outros pintores: velas náuticas de poliéster, importadas, material mais que perene e que não permite pendimento, dificultando o trabalho cotidiano de alguns artistas, mas que não ele. Ao entrar em sua galeria plena de quadros de flores tão coloridos, sentimos como se ela fosse um jardim, tão rica em cores quanto àquele que percorre a sua casa. Elas mais parecem borboletas em conflito se ficam nas telas ou vão para o jardim ao lado. Não são somente elas que se angustiam em dúvidas. Há os colibris que dançam sobre as flores e ocasionalmente chegam a bicar alguma tela, imaginando ter entrado em outro jardim. Como estamos na primavera, há um lindo risco que o museu corre com essa exposição de que um bando deles possa entrar na sala de exposição, todos acreditando na fantasia própria de beija-flores e borboletas de que se trata de um novo jardim em plena Rua da Bahia.

(*) Psicanalista. Integra a ABCA e a IACA.

 

 

 

 

Artigos
 
Início Algumas Exposições Coleções Posters O Pintor Minha Vida de Pintor Artigos A Fundação Arte para Salas de Aula Links Contato
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Pinturas Recentes
Flores Cubanas
Jarros de Flores
O Brasil Nunca Mais o Brasil
Tiradentes, o Animoso Alferes
Caraíva dos Reflexos
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Exposições
Currículo
Vida, Literatura e Afins
Literatura
O Pintor
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Pinturas Recentes
Flores Cubanas
Jarros de Flores
O Brasil Nunca Mais o Brasil
Tiradentes, o Animoso Alferes
Caraíva dos Reflexos
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Arte nas Escolas / Arte-educação é fundamental / Educa, ensina, sensibiliza e eleva os professores e os alunos.
Escola Caracol / Porto Alegre / RGS
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Pinturas Recentes
Flores Cubanas
Jarros de Flores
O Brasil Nunca Mais o Brasil
Tiradentes, o Animoso Alferes
Caraíva dos Reflexos
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Exposições
Currículo
Vida, Literatura e Afins
Literatura
O Pintor
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas
Pinturas Recentes
Flores Cubanas
Jarros de Flores
O Brasil Nunca Mais o Brasil
Tiradentes, o Animoso Alferes
Caraíva dos Reflexos
A Dança do Tamanduá Bandeira
Califórnia / San Simeon
Porto Seguro
Cavalo de Tiradentes
Trancoso, Casinhas e Marinhas
O Tarot de Oscar Araripe
Ceará / Marinhas, Araripe, Bárbara e Iracema
Casitas Cubanas
Porto Seguro / Bicos-de-pena
Repetróglifos Caribenhos
Tiradentes / Bicos-de-pena
Uma Primavera Americana
Tiradentes Revisitada
Flores Novíssimas